sexta-feira, 8 de junho de 2012

Poema - O sofrer

As gotas da Lua
Num noite sombria e tempestuosa
As lágrimas tão nuas
Se fingem calorosas.

De tanto pesar,
E o que é o sofrer?
Tanta dor e murmúrios
De calamidade escrever.

Um diário pode contar cenas assim
De lamúria, de cansaço, de guerra
A esperança que talvez venha a ter
Será duma vela.

E é opção sentir pena de si mesmo
Enquanto alguns a sua volta estão como você
E as nuas lágrimas, estão cobertas
Lutando para viver, tentado esconder.

Escrito por Taiane.

13 comentários:

  1. Nossa, que profundo! Enquanto lia, me senti mergulhando em cada palavra... Beijinhos, StarGirlie.

    www.babistargirlie.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai que bom! (Me senti meio Shakespeare agora! rsrssrsrs).
      Fico feliz, mesmo, de você ter gostado!
      Visite sempre, tá?
      Beijos,
      Tah ^^,

      Excluir
  2. Olá, sou do blog Garota do Livro, e estou aqui para retribuir a visita ;)
    Adorei esse poema, muito profundo, lindo.
    Também gostei de seu blog e resolvi segui-la.
    Beijos.
    http://livrodagarota.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou, flor!
      Beijinhos,
      Tah ^^,

      Excluir
  3. Adorei o poema taiane, super profundo e as palavras usadas combinam perfeitamente com a temática do poema.
    Adorei a organização do blog, está de parabéns!.
    Beijos
    www.livrosnapipoca.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pela visita e que bom que gostou, fico muito feliz!
      Beijos,
      Tah ^^,

      Excluir
  4. Respostas
    1. Que bom que gostou! >.<'

      Beijos,
      Tah ^^,

      Excluir
  5. Gostei do seu poema, mto bonito ^^
    Parabéns

    Bianca
    Um Universo Fantástico

    ResponderExcluir
  6. Oi, Taiane!
    Obrigado por me convidar a conhecer seu blog! Pelo que percebi, você alterna as resenhas com indicações de músicas e poemas seus, e isso é muito bom para tornar o espaço atraente. Outra coisa que gostei são as cores escolhidas, a tipologia (tipo de letra) e a apresentação visual no conjunto são ótimas e facilitam a leitura. Dos textos no ar, gostei mais deste poema "O sofrer". Ele muito bom, muito mesmo. Mas, se me permite (também sou poeta), fica melhor sem a última estrofe. Se reparar, Taiane, com as três primeiras estrofes você já conseguiu exprimir o mais importante, e a quarta representa só um impulso didático, o qual, para fins poéticos, é bom evitar na maioria das vezes, para não prejudicar o valor artístico.
    Tenho uma escrivaninha no Recanto das Letras, na qual publico meus poemas e textos literários. Sinta-se minha convidada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, obrigada mesmo! Me senti tão feliz com seu comentário me elogiando e dando dicas!
      Vou visitar sim :)
      Abraços!

      Excluir
  7. Que lindo *-*
    Muito perfeito > <

    Parabéns :3

    ResponderExcluir